Spoiler Edição Dupla: Kingdom Hearts – Chain of Memories; Kingdom Hearts: 358/2 days


Hoje, sessão dupla na Spoiler de hoje. O motivo é simples, as duas histórias acontecem em paralelo e se conectam com Kingdom Hearts II, cada um de sua forma. Hoje daremos sequência aos eventos que se desencadearam com a derrota de Ansem n’O Fim do Mundo e com o fato de Sora ter se tornado um Heartless, mesmo que por pouco tempo. Esses fatos foram relatados em Kingdom Hearts: Chain of Memories, do Game Boy Advance, e Kingdom Hearts: 358/2days do Nintendo DS.


Data de Lançamento:

Japão: 11/11/2004
EUA: 7/12/2004
Europa: 6/5/2005

Re: Chain of Memories

Japão: 29/03/2007 (Junto com a versão Final Mix de KH2)
EUA: 2/12/2008

Placar Agregado:

Metacritic: 7,6/10 (GBA) 6,8/10 (PS2)
Game Rankings: 7,75/10 (GBA) 7,1/10 (PS2)

Personagens:

Sora

Donald

Pateta

Grilo Falante

Larxene

Naminé

Riku

Vexen

Marluxia

Axel

Lexaeus

Mickey

Ansem

Zexion

DiZ

Roteiro:

Sora, Donald, Pateta e o Grilo falante estão caminhando, quando um misterioso homem de preto, aparece e direciona Sora para uma fortaleza intitulada Castelo Oblivion. Quando os viajantes entram no Castelo, eles reencontrama misteriosa figura, que explica que eles perderam todas as habilidades assim que entraram no castelo. Ele cria um deck de cartas feitas com base nas memórias de Sora e seus amigos, e explica que tudo que eles encontrarem no castelo será baseado nas memórias deles. Quanto mais alto eles subirem no castelo, mais lembranças eles perderão no processo.
Sora sobe pelo castelo, encarando membros de um misterioso grupo intitulado “A Organização” pelo caminho. Assim que Sora começa a perder suas lembranças, ele começa a lembrar de uma garota chamada Naminé, como uma velha amiga dele e descobre que um dos membros da Organização, Larxene a mantém como prisioneira do castelo. Ele também enfrenta uma réplica de Riku, que acredita (assim como Sora) é o Riku verdadeiro, mas ele foi criado e controlado por outro membro da Organização, Vexen. Axel, um agente duplo da Organização, liberta Naminé e faz com que ela encontre Sora. Sora descobre que Naminé é aquela que está manipulando as lembranças dele, sendo forçada por Marluxia, o lorde do Castelo Oblivion e a figura que levou Sora até ali, como parte de seu plano de subjulgar o resto da organização juntamente com Larxene.
Sora chega até o topo do castelo, e derrota Marluxia e outros membros da Organização; logo depois, Naminé põe Sora e seus amigos em umas máquinas parecidas com Casulos, para ajudá-los a recuperar as lembranças que eles perderam no Castelo, ainda que eles percam as lembranças dos eventos ocorridos no castelo. Antes de dormir, Sora e Naminé prometem se encontrar novamente como amigos, quando ele despertar, e Sora acredita que as lembranças dela e do castelo permanecerão em seu coração, mesmo esquecendo delas.
Enquanto isso, após o fim dos eventos de Kingdom Hearts, Riku foi transportado do reino da escuridão e combate sua própria escuridão interior, enquanto luta nos andares subterrâneos do Castelo Oblivion. Vexen luta com Riku para obter seus dados e criar uma réplica dele para deter os planos de Marluxia. Ansem, que já havia tomado o controle do corpo de Riku em outra ocasião, tenta retomar o controle de Riku, mas é continuamente impedido pelo auxílio do Rei Mickey.
Em sua jornada, Riku luta e derrota Lexaeus, um membro da Organização, apenas para ser jogado de volta ao reino da escuridão. Entretanto, ele é salvo novamente pelo Rei Mickey, justamente quando Ansem estava próximo de tomar o corpo de Riku para si. Com Marluxia eliminado a esta altura, outro aliado de Vexen, Zexion, tenta descartar Riku o levando para a luz. Riku é salvo por Naminé, disfarçada de Kairi, que o ajuda a controlar sua escuridão interior, permitindo-o derrotar Zexion. Pouco tempo depois, Riku encontra DiZ, um indivíduo enigmático que tem interesse nele, e o manda encontrar Naminé. A Réplica de Riku, desde que descobriu que era apenas uma réplica e que suas memórias não são suas, procura justificar sua existência lutando com Riku somente para ser derrotado por ele. Riku resolve encarar Ansem, depois de descobrir por Naminé, que Ansem ainda vive em seu coração e o derrota, após DiZ invocá-lo para Riku poder lutar com ele. Riku então sai com o Rei Mickey, como companheiro numa jornada para utilizarem ambos, suas trevas e sua luz.

Continua em Kingdom Hearts II, na Quarta-feira, e paralelamente as batalhas de Sora no Castelo Oblivion, algo grande estava sendo armado pela misteriosa organização, que se descobriu chamar Organização XIII. Pouco se sabia sobre eles, mesmo durante os eventos de Kingdom Hearts II. Então é hora de navegar por Kingdom Hearts 358/2 days.
Kingdom Hearts 358/2 days

Produtora: Square-Enix

Plataforma: Nintendo DS

Gênero: Action-RPG

Lançamento:

Japão: 30/05/2009
EUA: 29/09/2009
Europa: 9/10/2009

Placar Agregado:

Metacritic: 7,5/10

Game Rankings: 7,67/10
Personagens:

Roxas

Xemnas

Axel

Xion

Riku

Sora

DiZ

Naminé

Xigbar

Roteiro:

Roxas nasceu como o Nobody de Sora, quando Sora se transformou num Heartless nos eventos de Kingdom Hearts, e foi encontrado por Xemnas, o líder da Organização XIII em Twilight Town, e logo depois é nomeado como o décimo terceiro membro. Dia após dia, ele é mandado em missões em outros mundos, sozinho ou acompanhado pelos seus companheiros de Organização, para destruir os Heartless com a Keyblade e liberar seus corações, que ajudarão a Organização a alcançar sua meta de chegar a Kingdom Hearts e se tornarem seres completos. Roxas é posto sob a tutela de Axel, que se torna seu amigo e passa seu tempo livre no fim de cada dia, sentado no topo da torre do relógio em Twilight Town, jogando conversa fora e tomando sorvete juntos.
Logo após a entrada de Roxas, a Organização vê a chegada de uma misteriosa décima quarta integrante, Xion. Sua aparência varia de pessoa para pessoa, dependendo de seu relacionamento com ela. Logo depois, quando Axel e alguns dos outros membros são designados para o Castelo Oblivion (levando aos eventos de Kingdom Hearts: Chain of Memories), Roxas e posto junto com Xion. Os dois se tornam próximos, e a reclusiva Xion começa a se abrir com Roxas, revelando sua semelhança com a amiga de Sora, Kairi e a habilidade dela de portar uma Keyblade. Alguns dias depois, Roxas entra num coma por algumas semanas, mais ou menos na mesma época em que Sora foi posto pra dormir para recuperar as lembranças que tinha perdido no Castelo Oblivion no fim de Kingdom Hearts: Chain of Memories (ler acima). Quando Roxas finalmente desperta (e descobre que todos os membros enviados ao Castelo Oblivion, com exceção de Axel foram eliminados), ele sugere que ele, Axel e Xion passem o tempo juntos, e os três se tornam bons amigos. Entretanto, Roxas começa a experimentar as lembranças de Sora e se frustra quando suas perguntas sobre elas não são respondidas, se tornando cada vez mais curioso sobre o porquê dele portar a Keyblade e começa a duvidar dos objetivos da Organização.
Enquanto isso, Sora, que ainda está dormindo, é movido do Castelo Oblivion para a Mansão em Twilight Town por DiZ e Naminé, que estão supervisionando a restauração de suas memórias. Xion acaba confrontando Riku, que traz a identidade dela e a autenticidade de sua Keyblade em questão, e sugere que ela deixe a organização para se fundir com seu ‘eu’ verdadeiro. Xion entretanto, está dividida entre aceitar a sugestão de Riku e ficar com Roxas e Axel.
Eventualmente Xion descobre que ela é uma réplica imperfeita de Sora, criada por Xemnas com base nas memórias de Sora, caso Sora, que Xemnas tencionava usar como parte dos planos na Organização, se tornasse inútil. Sua semelhança com Kairi é resultado das fortes lembranças que Sora tinha dela, assim como as tentativas de Naminé de restaurar as lembranças de Sora afetam Xion a ponto dela começar a parecer fisicamente com Sora. Depois de descobrir isso, Xion se torna profundamente confusa e deixa a Organização XIII, desejando se tornar uma pessoa de verdade, mas ainda saindo com Roxas e Axel.
Durante uma missão de ‘busca e captura’, Xigbar e Axel encontram Xion no País das Maravilhas. Quando Xigbar prepara-se para lutar com ela, ele murmura pra si mesmo: ‘Você teve sempre essa cara.’. Desconhecido a Axel, Xigbar vê Xion parecida com Ventus. Subitamente, enquanto Xigbar está distraído, Xion desaparece e nocauteia Xigbar com facilidade. Axel questiona o que acabou de acontecer diante de seus olhos, e depois, Roxas deixa a Organização XIII pra se encontrar, apesar dos apelos de Axel.
Depois de ser reprogramada por Xemnas, Xion tenta absorver Roxas e com isso, evitar que o Sora verdadeiro acordasse. Entretanto, Roxas luta e derrota Xion, que revela as intenções e motivos de Xemnas antes de se fundir a ele. Xion então, morre nos braços de Roxas, cristalizando-se completamente e se transformando em uma luz cegante, enquanto as lembranças que ela havia absorvido, retornam para Sora. Ela não deixa nenhum rastro, exceto uma simples concha, enquanto lágrimas rolam pelo rosto de Roxas. Roxas invoca a Keyblade de Xion, permitindo a ele usar duas Keyblades ao mesmo tempo (Oblivion e Oathkeeper).

Pouco tempo depois, ele encontra e luta com Riku, que foi enviado por DiZ para capturá-lo, então ele poderia se fundir com Sora e completar a restauração das lembranças do mesmo. Quando Riku está próximo de ser derrotado, ele invoca as trevas em seu coração, lhe dando o poder necessário para subjulgar Roxas, mas também lhe dando a aparência de Ansem, que ainda reside em seu coração. Riku leva o inconsciente Roxas para DiZ, que o coloca numa versão Virtual de Twilight Town. No dia seguinte, Roxas desperta na Twilight Town Virtual pensando que tudo que acontecera até ali parecia um sonho e se perguntando sobre seu destino, enquanto corre e chega ao “Lugar de Sempre”, perguntando se ele, Hayner, Pence e Olette finalmente irão a praia.

Curiosidades:

Desenvolvimento:

Chain of Memories foi desenvolvido pelo estúdio Jupiter, o mesmo responsável pelo RPG de DS “The World Ends With You”, enquanto que 358/2 days foi desenvolvido pelo h.a.n.d., responsável pelos remakes de Final Fantasy III e Final Fantasy IV para Nintendo DS.
Perdido e Conectado

Chain of Memories originalmente se chamaria Lost Memories no conceito de Nomura, o que faz sentido se considerarmos que Sora e seus amigos perdem as memórias enquanto sobem os andares do castelo, mas Nomura decidiu por Chain of Memories, pelo fato do jogo ligar Kingdom Hearts 1 e 2.
Dissidia: Kingdom Hearts

358/2 days tem uma leve (quase invisível) conexão com Dissidia: Final Fantasy (PSP), Nomura contou que o primeiro Rascunho de Dissidia seria um Spin-Off de luta de Kingdom Hearts, mas mudou de idéia ao ver que não ficaria legal os personagens da Disney trocando tapas.
E quase perdemos Chain of Memories

Nomura também teve dúvidas se faria Chain of Memories para o GBA, sabendo do baixo poder de processamento 3D do portátil da nintendo. Mas ao ouvir de uma criança, que ela queria jogar Kingdom Hearts no GBA, um tempo depois ele replanejou Chain of Memories sendo em 2D.
O Spoiler de hoje fica por aqui, quarta-feira retornaremos com o enredo de Kingdom Hearts 2.

Deixe um comentário

1 comentário

  1. SPOILER Sessão Dupla: Kingdom Hearts II e Kingdom Hearts: Re:coded « Blog do Kyo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s