The King of Fighters 98 Ultimate Match (Playstation 2/Xbox Live Arcade)


Em 2004, A SNK-Playmore fez o primeiro remake da série KOF, para comemorar os 10 anos da série, e tivemos o bacana KOF ’94 Re-bout, e 4 anos depois para celebrar os 10 anos de seu mais bem sucedido jogo (embora uns prefiram a 97, eu por exemplo prefiro a 96, mas a preferência é pelo KOF 98), a empresa resolveu lançar um remake do Dream Match The King of Fighters ’98, trocando o subtítulo Slugfest pelo Ultimate Match e com novas perfumarias e personagens.

The King of Fighters ’98 Ultimate Match
Produtora: SNK-Playmore
Plataforma: PS2/Xbox Live Arcade
Jogadores: 1/2
Gênero: Luta


The King of Fighters 98 é um Dream Match, ou seja, não pertencente a cronologia, logo o jogo não tem história (embora tenha um mangá -chinês, eu acho- baseado nele). Então vamos enrolar alguma coisa nesse parágrafo. Ah, era uma sexta-feira entediante, quando dois japoneses resolveram se encontrar na rua e começaram a brigar, que é o que os japoneses fazem nas sextas, e a coisa foi crescendo a tal ponto que teve que virar um torneio e os caras resolveram se organizar. Enfim, The King of Fighters ’98 Ultimate Match é a terceira versão de KOF 98 lançada, mas será que é a definitiva?


O elenco de The King of Fighters ’98 original é um dos mais completos de KOF, já que faz um apanhado por toda a saga de Orochi, que compreende o perído entre 95 e 97 (Lembrando que apesar do KOF 94 fazer parte da cronologia, ele não faz parte da saga de Orochi, pois ainda que apelão, o Rugal de lá não tinha nada de Orochi), mais o time americano de 94. Apesar disso, faltas eram sentidas, e elas foram sanadas nessa edição. Foram adicionados 5 novos personagens selecionáveis de cara, o Boss Team de KOF 96 (Geese Howard, Wolfgang Krauser e Mr. Big), Kasumi Todoh (KOF 96) e Eiji Kisaragi (KOF 95). Há ainda, mediante certas condições, a possibilidade de se enfrentar Orochi Leona e Orochi Iori, o trio Orochi New Faces (O. Yashiro, O. Shermie e O. Chris), Orochi, o próprio Boss Team, Goenitz ou no desafio (que no original era somente o Shingo), enfrentar Kasumi ou Eiji.


Os modos de jogo se constituem do Team Play e Single Play, clássicos em KOF’s, o Endless que é um combate sem fim (O equivalente ao clássico Survival, apenas enfeitado pela SNKPlaymore =p) , os Challenges que eu ainda não entendi como se fazem (eu analisei a versão japonesa, embora haja uma versão americana) e um bacana modo de edição de cores, aonde diabos, você pode editar até as cores das magias! Imagina soltar um Haoh ShohKoh Ken cor de rosa? Bizarro, mas possível! E para quem é ot, digo, saudosista, há o NeoGeo Mode, que permite jogar a versão original caseira, que continua ótima, mesmo 10 anos depois.


Na hora de lutar, os clássicos Advance e Extra continuam lá, mas há um novo estilo, Ultimate foi adicionado, aonde se escolhe o tipo de Stock (por golpes, ou por carga (vulgo A_B+C) ), a maneira de se esquivar (rolando ou desviando) e a maneira de dar dois toques no direcionar (correr ou side-step). De resto, a jogabilidade continua a mesma, embora a dificuldade esteja um pouco mais balanceada do que 10 anos atrás.

Sobre a jogabilidade em si, não vou falar muito, continua como há dez anos atrás, vamos falar sobre as mudanças em alguns personagens, pelo menos as que foram mais gritantes assim dizer. Eiji Kisaragi teve seu movelist pegado da KOF XI, e foi bem inserido, embora seu golpe básico demore um pouco, sendo melhor usado a distância. Os DM’s de Geese Howard foram simplificados, inclusive (caso esteja errado, me corrijam) um DM novo foi adicionado para Geese. O Haoh Shohkoh-Ken de Takuma foi transformado em DM, e não podendo mais ser carregado como antigamente. Apesar destas mudanças, os golpes de Omega Rugal continuam apelões como sempre.


Graficamente, não colocaram um filtro HD nos sprites, como fizeram em KOF ’94 Re-Bout, os deixaram normais. Os de Kasumi, Goenitz e Boss Team puderam ser aproveitados de KOF 96 e o do Eiji foi posto de KOF XI. Falando sobre os cenários, eles foram refeitos, com excelentes resultados e bons efeitos 3d e efeitos de tempo, pois as mudanças sutis de horário da luta interferem no visual, alguns cenários no fim de tarde ficam com um efeito ótimo de se ver. Admito que pude prestar atenção no balançar daquele barco, agora feito em 3D e observar as gaivotas em outro cenário. Uma boa quantidade de cenários inéditos foi adicionada, totalizando cerca de 19 cenários x 2, 3 variações chegando a cerca de cinquenta, a sessenta cenários de visual levemente diferente.


Uma controvérsia na escolha de arte é notada em KOF 98’UM. Enquanto que as artes pós batalha da maioria dos lutadores foi mantida, a de Eiji foi pega a do KOF XI e as do Boss Team foram feitas novas, o que deixa uma disparidade notável entre elas. Não que isso seja particularmente ruim, ou interfira na nota final do jogo, eu é que sou resmungão pacaralho mesmo. Os novos cenários do jogo estão bem feitos, e inclusive são melhores que os originais.


Como desbloqueáveis, há artworks exclusivas da versão de Dreamcast, vídeos de aberturas, entre outros mimos para fãs e a galeria de artes do jogo abriga muitas ilustrações das versões PS1 e exclusivas dessa nova versão, que como nunca havia parado para ver direito na época do ps1 (até porque eu não tive 1), são bem bonitas.


Sonoramente, apesar de não ser ruim no original, a trilha melhorou em muito o jogo. Com remixes de temas antigos, a experiência melhorou muito, ponto pro departamento da SNKP, que ainda conta com bons compositores, um dos temas que me agradou mais, foi o do Krauser. As vozes, graças a deus, permanecem as mesmas, não fizeram redublagem como aconteceu a partir de 2002, com o Satoshi Hashimoto refazendo as falas do Terry.

Finalizando, Ainda que não tenha jogado a versão do Dreamcast, The King of Fighters ’98 Unlimited Match se torna a versão definitiva de KOF 98, com um bom fator replay e racha entre amigos, apesar de que a versão de 360 não é tão completa, de acordo com relatos que ouvi (né, Urameshi?). Mas a versão de PS2  de The King of Fighters 98 Ultimate Match leva 96/100 e o mestre Chuck Norris aprova este game.

*Detalhe pós review: Graças a Deus a capa final americana ficou melhor que uma possível versão que eu tinha visto na época do lançamento, mas ainda prefiro a arte festiva da capa japonesa.

Deixe um comentário

17 Comentários

  1. Boa análise. Lida e aprovada. Também corroboro a afirmação de que a versão da Live Arcade não é tão completa quanto a do PS2, sem contar que assim como KOF2002UM, também da Live, Não tem jeito: netcode horrível. Sem jogo online, infelizmente. Parabéns e até a próxima!

    Responder
  2. lucas

     /  2011/04/27

    Quando essse jogo vai chegar aos arcades?

    Responder
    • Kyo

       /  2011/04/27

      Infelizmente nunca, o jogo foi projetado diretamente para o Playstation 2.

      Responder
    • O game foi lançado em março de 2008 nos arcades japoneses utilizando a placa Taito Type X e teve seu port de PS2 lançado em junho do mesmo ano.

      Responder
  3. Como esperei o lançamento desse KOF 98 UM, fiz questão de comprar o original, embora antes já saber que “o mais cobiçado por mim”, as telas de vitória não seria mais com as ilustrações do mestre Shinkiro (que hoje ilustra games da Capcom), foi mantido as originais e tentaram criar as dos chars inéditos o mais parecido com o traço dos originais, achei que combinou um pouco, porém queria as do grande mestre Shinkiro😦
    No começo achei estranho a jogabilidade, que é mais rápida, mas logo acostumei. Nos Challenges, aquela missão de fazer um combo (não lembro de quantos hits) com Heavy D! quase quebrei meu dedo tentando concluir, depois duns 3 dias conseguí ¬¬
    O jogo recebeu apenas um pouco de equilíbrio, nada fantástico como eu esperava ¬¬ pois certos Chars ainda continuam apelativos e chatos como sempre… Daimon é um BuG, digo, BiG exemplo ¬¬ Antes eu tinha essa KOF 98 como minha favorita dentre a série, porém ao jogar muito online via Supercade ou GGPO (somente 98)com vários jogadores pelo mundo a fora, conheci muitos estilos de jogo, percebi que tanto a 98 como a 98 UM (essa apenas jogando com amigos, nada de online, já que não tem essa opção para versão americana) ainda não é a definitiva no quesito jogabilidade! O que antes era combos bug na 98, na 98 UM parece até que se tornaram combos normais ¬¬ tão fato que até nos extras da 98 UM você abilita vídeos com combos absurdos. Hoje tenho como favorita a 2003! 2003? Vai entender ^^ Pois é, apesar de ser umas das mais odiadas, essa é a que mais passei a gostar embora seja MUITO bugada e com aquela jogabilidade tão presa e dura!
    A 94 também é umas das minhas favoritas, ainda mais o remake dela, kof 94 Re-Bout. E aquele maravilhoso gráfico que não é filtro ein, todos sprites foram editados usando como base os originais, praticamente foram refeitos, recebendo uma melhor e mais definida resolução! Quem trabalha com mugens editando ou criando sprites por ex, sabe o quanto é trabalhoso apenas editar, imagina refazer, ainda mais melhorado? Tenho pena de quem fez os pixelart da Garou😄 devem enxergar as coisas reais como pixel @_@
    Voto máximo p/ sua análise!

    Responder
  4. joice caroline alves

     /  2011/07/29

    e muito bom ?

    Responder
  5. eu quero entra nesse jogo

    Responder
  6. jasiael

     /  2011/09/20

    esse jogo e zika sou viciado

    Responder
  7. Eu adoro o omega rugal🙂 mais odeio aqueles pequenos chin e choi :{

    Responder
  8. Ola tudo bem ? :p eu sou a maria e adoro a mai a leona e a athena thau😉

    Responder
  9. ARTHUR

     /  2012/03/01

    E OTIMO

    Responder
  10. ARTHUR

     /  2012/03/01

    MEU PERSONAGEM Q EU GOSTO E IORI EU AMO ESSE JOGO

    Responder
  11. Eude Rabelo

     /  2013/01/13

    Estragaram Orochi nesse game, prefiro o do 97 e mais ainda o Mizuchi do NGBC que está quase um deus.
    Para mim se melhorassem muito Orochi seria o melhor jogador da história.

    Responder
  1. The King of Fighters 98 Ultimate Match (Playstation 2/Xbox Live … | ZiiPe
  2. Online Game King » » Cyber XtcCyber Xtc

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s