Ultra X Weapons (Arcade)


Iniciamos a Semana Temática Tokusatsu, com um jogo que eu descobri ONTEM. Na verdade eu baixei ele ontem, não havia baixado antes porque… Bem, porque eu tenho jogos demais de navinha! Enfim, mas este jogo é especial, porque ele tem O ULTRAMAN! Na verdade ele é DO ULTRAMAN! Enfim, confira a nossa análise de Ultra X Weapons (Ultra Kebitai no Japão)

Ultra X Weapons

Produtora: Banpresto

Desenvolvimento: Banpresto

Plataforma: Arcade

Gênero: Shoot’em up

Jogadores: 1/2

Se você tem mais de 25 anos (ou menos se você curte Tokusatsu), com certeza deve conhecer a franquia da Tsuburaya, Ultraman.  Sabe, aqueles heróis de borracha que trocam sopapos com monstros de borracha e destroem maquetes de Tóquio ou de outros lugares que também são em Tóquio… Mas sim, mesmo fazendo piada, eu gosto MUITO de Ultraman, tentei assistir Tiga na Record (ela não deixou) e curti muito o Ultraman The Next, embora a edição nacional do DVD, apesar da dublagem Fodônica (Marco Ribeiro arrasou), ter sido uma bela duma porcaria… Sério, a edição nacional parece um DVD pirata que até seu tio barrigudo consegue autorar… Depois reclamam da pirataria. E aliás, foi por causa destes dvd’s mixurucas da Impact Records com edição de merda, que não tivemos o filme dos oito Ultras dublado aqui no Brasil…

Maldita seja, Impact Records!

Enfim, em 1995, antes de lançarem o bacana Ultraman Tiga, a Tsuburaya encomendou a BanPresto um jogo de Ultraman,  e saiu um dos shmups mais nostálgicos e bacanas que já joguei.

O Jogo

Como o jogo não te dá pista sobre o que diabos acontece ali, vou inventar um motivo imbecil para a história acontecer…

É, eu tenho tempo livre pra isso!

Eu devia arrumar uma namorada, enfim…

Os monstros das séries Ultra resolvem se unir pra fazer o que mais gostam: Pisar e chutar maquetes, além de cospir fogo! Como a Tsuburaya tava em status de Dorgas por conta do questionável Gridman, e ainda não tinha criado um novo Ultra, os outros Ultras resolveram chamar seus hospedeiros pra fazerem o trabalho sujo em navinhas bacanas. Assim, Hideki Goh, Dan Moroboshi e cia. Saem explodindo alienígenas e quando a coisa aperta, eles chamam… O ULTRAMAN! Sim, ficou imbecil, mas foi tudo que eu consegui pensar!

Jogabilidade:

O jogo faz uso de três botões, Tiro, uma mina que acho que não serve pra muito e a Bomba, que é nada menos que a invocação de um ULTRAMAN.

Você tem entre sete personagens diferentes pra escolher, como eu só joguei com o Ultraman, fica difícil dizer se há diferenças, mas a jogabilidade funciona, a dificuldade é mediana, você inicialmente tem quatro fases pra iniciar, cada uma em um local diferente do globo e elas contém um subboss e um boss. Fãs de Ultraman podem dar um sorrisinho ao ver inimigos conhecidos, como eu não assisti a muita coisa de Ultraman, não posso afirmar com 100% de certeza, mas mesmo assim… É bom demais da conta!

Gráficos:

Assim como Macross Plus, utiliza-se de Gráficos Tridimensionais, mas aqui os cenários são de cair o queixo. Os inimigos são bem variados. Há toda uma preocupação com a movimentação, ao contrário de Macross Plus, que fluia um tanto lentamente, chegando a frustrar.

Os chefes e sub-chefes são muito bem feitos, porém o destaque fica para a invocação dos Ultras que ficou muito bem feita.

Mas, na minha opinião, o destaque vai pra cena final em que os 7 Ultras partem junto com as naves dos hospedeiros, antes dos créditos rolarem.

Sons:

Isso aqui também é destaque no jogo. Quem curte tokusongs e conhece os temas de Ultras, vai ficar maravilhado com os temas instrumentais. Cada fase possui uma abertura como tema, então você vai ouvir temas como Kaekitta Ultraman (O regresso de Ultraman), Ultraseven no Uta (Ultraseven) e Ultraman Leo. Eu por exemplo cantei Ultraman Leo enquanto jogava… Bem, parece que minha cantoria influenciou, pois eu MORRI. É possível ouvir alguns sons digitalizados, como os grunhidos dos bosses e o famoso SCHWAT!

Sabe, o SCHWAT! O grito do Ultraman quando decola! Bem, esse termo não tem tradução, mas é universal!

Finalizando:

Esse é um dos jogos de navinha mais legais que eu joguei (quiçá o melhor), totalmente nostálgico, e parece que o pessoal da Banpresto é mais fã de Ultraman do que de Macross, porque mesmo os jogos usando praticamente a mesma mecânica, Ultra X Weapons faz eu querer tirar pelo menos 1 ponto da nota final de Macross Plus. Mesmo se não for fã de Ultraman, jogue, pois é um bom Shmup!

Nota: 10/10

E enquanto escrevo essa resenha, acabo de saber pelo Twitter que a Focus Filmes lançará 4 filmes da Família Ultra, incluindo o supracitado aqui filme dos 8 Ultras! Yay!

Deixe um comentário

2 Comentários

  1. ramon

     /  2010/08/03

    nota 10 para o fantástico arcade dos ultramen.

    Responder
  2. Sena

     /  2010/08/04

    Rox esse Sonic Wings + Ultraman!😄 Bem que você disse que não teriam pedreiras! Mas, falando sério, não conhecia esse jogo. Nota 10 para o review!! ^^

    Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s